Embaixada de Portugal em Itália

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Poemas de Pedro Mexia - Dia Mundial da Poesia 2019

Para assinalar o Dia Mundial da Poesia, a Embaixada de Portugal em Roma dedica dois poemas de Pedro Mexia, extraídos de Poemas Escolhidos (Ed. Tinta da China).

 

EM LONGO SE TRANSFORMA

Em longo se transforma o breve engano,
e o discurso em vento,
e o desejo em medo.
E a esperança
em memória, e o pensamento
em bússola cega
para o mundo.
E em vidro o espelho apaga,
gasto de mágoas e mudanças,
o claro rosto do futuro.

DEPOIS DE TI

Depois de ti
o dilúvio: esgotaram-se as imagens
e não posso mudar o que diziam:
há um esvaziamento, uma degradação,
que em pouco tempo tornam
o real absoluto no real possível:
e nunca mais hei-de sentir o mundo
tão alto como os versos e não o contrário,
e nunca mais poderei dizer a ninguém:
os teus olhos são tão belos como os teus olhos.

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail